sexta-feira, 19 de junho de 2015

O que não estamos vendo?





Acho que estamos vendo uma coisa enquanto está acontecendo outra, falou Dorinha sentada na cadeira de balanço, na varanda do sobrado azul, que dava para a rua.



- O que foi, Dorinha? O que você falou que não entendi? - berrou Godofredo Martins da cozinha enquanto colocava seu café na xícara de porcelana francesa, que ganhara da avó.



Falei nada não, Fredo, só pensei em voz alta.



- Ah, bom... Achei que você estava falando das coisas estranhas que andam acontecendo na vizinha pátria amada, disse já chegando na porta.



Sim e não, Fredo. Tem alguma coisa acontecendo lá que não está clara - muito ódio, muita raiva, muita injustiça, muitas prisões estranhas e solturas esquisitas. Mas daqui a gente não vê tudo, não é? Não vê tudo!



- É verdade, daqui não se vê tudo.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gratidão!