sábado, 14 de julho de 2018

Sobre hologramas quânticos e amor







Até aquele momento desconhecia que o espaço não é tridimensional, com altura, largura e profundidade mensuráveis e o tempo não é uma entidade separada. A única certeza é que não haveria volta. O pavor, a sirene, a maca correndo no corredor com luzes infinitas no rosto, pressão no peito, vozes, movimentos, passos, tudo desapareceu ao penetrar num infinito tetradimensional onde o tempo não é linear, nem absoluto, apenas é o que é.





Como um objeto no vácuo, seu corpo bailava num contínuum de onde percebia com aparente linearidade os acontecimentos da sua vida. Na sequência, de forma absurdamente natural, compreendeu que matéria e energia eram intercambiáveis. A ver que pessoas amadas, odiadas, detestadas, apaixonantes e apaixonadas  pela sua existência nada mais eram do que uma forma de energia, ora matéria  cuja energia ficava desacelerada ou cristalizada, ora luz, pode entender as lágrimas, os sorrisos, a dor e a alegria nestes encontros e desencontros.





Seus olhos encontraram os olhos da mulher que habitou por décadas seus sentimentos mais íntimos. Viu quando se perceberam na primeira vez e quando se despediram de maneira angustiante, Todas as formas de amor ocorrem por irradiação eletromagnética e aparecem não só como ondas, mas também como quanta, descreveu-lhe um ser luminescente, cuja aparência era incrivelmente bela.





Mas eu  a perdi, respondeu e chorou descontroladamente. O ser luminescente aproximou-se e por um holograma de luzes místicas garantiu que entre os dois esses quanta de luz que fluíram enquanto amantes foram aceitos como partículas genuínas do amor cósmico. Nesta fase do amor, disse, cada partícula promotora desta troca de sentimentos é um pacote de energia que trás consigo a sua história.





Por meio desta experiência, somente agora você pode verificar que a relação carnal que ocorreu entre vocês foi completamente mutável para energia plena, e por isto ela está guardada em você agora, como também nela. E esta luz que é a razão da existência neste eixo espacial se mantém eternamente, pois não existe amor em lugares definidos, pois ele, o amor, apenas o é, sem nada em troca, demonstrando tendências para existir, e não promessas, garantias, segurança e outros sentimentos e exigências do corpo físico, coordenado por questões cognitivas e emocionais.





Eu a encontrarei?





Quando ocorre, como no caso de vocês dois um encontro com esta grandeza plena de luz, todas as partículas são transmutadas em outras partículas que são transmutadas em outras partículas, assim sucessivamente. Elas foram criadas por que a conexão entre vocês permitiu isto, mesmo com toda a dor da ruptura no plano material. Não podemos determinar com exatidão onde e quando isso acontecerá novamente, pois o continuum é atemporal, mas sabemos que acontecerá pois quando duas pessoas se entregam totalmente, sem cobranças, de uma forma de tamanha grandeza, todo o universo conspira pela sua razão infinita.





Pensou em rezar, orar, clamar, proclamar, mas a essência da sua luz já transcendia este plano, e pela primeira vez teve a certeza de que voltariam a ser um só elemento, desta vez etéreo e eterno.





É isto aí!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gratidão!