quarta-feira, 1 de maio de 2024

Sentimentalidades


ela Amor, diga a primeira palavra que vem à sua borda externa da mente ...

ele Da borda externa? Não pode ser das profundezas da minha existência?

ela É isto?

ele Isto o que?

ela Vai querer discutir relação aqui e agora?

ele Mas não é exatamente o que fazem os amantes?

ela Eu não sou sua amante, sou sua amada, ou deveria ser.

ele Onde você quer chegar com isto tudo?

ela Não se trata de onde quero chegar, mas sim de onde estamos.

ele Não sei o que dizer, tudo que falar será interpretado pela sua previa cognição.

ela Eu sabia. Ela ainda existe entre nós.

ele Outra vez nesta tecla? 

ela Sempre, e cansei de lutar sozinha. Nunca mais outra vez.

ele Você que começou

ela Não dá para competir contra a blindagem do seu coração.

ele Melancia

ela que merda é esta agora? 

ele Foi a primeira palavra que veio à tona da borda externa da minha mente.

ela raiva raiva raiva ... eu odeio você. Me fez abrir todo o flanco de sentimentalidades.

ele Eu amo você!

ela Eu amo mas hoje eu odeio mas eu amo muito muito você.


É isto aí!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gratidão!